Olha só!, é um blog olho no olho, quero dizer, palavra no ouvido, grito no espaço, segredo e colapso público. É pra conversar um pouco pois é conversando que a gente se entende. Um pouco. Em tempo: todas as fotografias são do mesmo autor dos textos.
sexta, 23 de fevereiro de 2018
SÓ VÍRGULAS


não te exijo nada, a tua beleza e carinho me bastam, uma forma de felicidade se ajunta a mim e traz calor, frescor, uma coisa de febre e brisa leve, não sei como me sinto, se no encontro de uma fonte ou perdido em um desfiladeiro, sei que tenho como matar minha sede e seguir meu caminho sem desespero, e que em qualquer parada possamos nos contemplar uma taça de vinho, traçar os sabores, provar de arpejos de cordas e carícias de arminhos, os perfumes dos lençóis, os talcos dos sonhos, uma noite grata e um amanhecer que faça rejuvenescer nossos sentidos, pois paixão não é ciência exata mas amor é a sabedoria que extrapola a vida,


23.02.2018.

quarta, 14 de fevereiro de 2018
9.9


sinto seu hálito
à minha volta
seus cheiros mais íntimos
me rodeando


não sei se é
a falta de hábito
mas conviver com a paixão
é um abalo sísmico
me estonteando


07.03.2007

segunda, 12 de fevereiro de 2018
ARQUEJANTE


o arco do dia fazendo-se noite ou alvorada

os arcos nas cordas

de um contrabaixo, violoncelo, violino, viola

os arcos dos dias que rodopiam

pelo planeta do meu ser

os arcos de nossos dois corpos

a se amarem céleres ou lentos

para sempre a se conhecer


o ofá, arco de oxóssi

trazendo da caça a comida

pra nos revigorar

o arco em teus cabelos

aclarando seu rosto

que vem se mostrar


os arcos dos aquedutos

de todo o mundo

os arcos da lapa

do rio de janeiro

com seu bonde e seu motorneiro

os arcos das velas

dos saveiros do mar da bahia

e seus timoneiros

os arcos de nossos lábios

quando vão se beijar


os arco-íris com todos os seus matizes

o marco do arco de nossos olhos

firmando o desejo que existe

os arcos das promessas

quais barcos à deriva

os arcos fechados dos anéis

e alianças e jóias metálicas

que nos habitam


mas principalmente

os arcos de nossas curvas de corpos

quando a gente se divide

se une e se presenteia

 

08.02.2018.

Páginas
1 2 3 4 5 Próxima >  Última >>