Olha só!, é um blog olho no olho, quero dizer, palavra no ouvido, grito no espaço, segredo e colapso público. É pra conversar um pouco pois é conversando que a gente se entende. Um pouco. Em tempo: todas as fotografias são do mesmo autor dos textos.
Sexta, 25 de dezembro de 2015
MANDATO



a paz anda atrás de mim. me persegue. e não é que eu fuja, apenas, na maioria das vezes, não percebo que sou seguido. então a paz toma a dianteira, futura-se, me aguarda e eu não chego. e aí a paz fica de saco cheio, me xinga, me esquece. então não mais crianças gritando sorrindo, bichos sorrindo latindo, pássaros do mar em torno de minha cabeça com se eu fosse um peixe.
a paz manda além de mim.
 

25.12.2015.

Quinta, 24 de dezembro de 2015
TOTAL



todas as águas do universo são para você.
por isso tantas marés, cachoeiras, chuvas, suores, lágrimas, fluidos.

e todas as folhas são para você.
então tantas palmas, ramas, chás, infusões, papéis.

todas as terras e todos os fogos são para você.
por isso tantos sóis, desertos, fogueiras, pós, minérios, luzes.

todos os ares são seus.
então tantos ventos, suspiros, pulmões, éteres, vozes.

todo o seu amor é seu.


24.12.2015.

Domingo, 13 de dezembro de 2015
PÁRIA MINHA

 

estamos vivendo a impaciência.

quando o julgamento vem antes de qualquer tentativa de compreensão.

estamos vivendo a intolerância.

a análise não formulada, a conclusão precipitada, o olhar que vê mas não interpreta.

e assim as palavras vibram descalibradas. escritas ficam fora das linhas, ditas soam desafinadas.

e assim nada é algo fértil, tudo é antes resto do que vida em ordem e progresso.

assim, meu amor, nosso amor é nada.

 

13.12.2015.

Páginas
1 2 Próxima >  Última >>